O que fazer para regular o trânsito intestinal?


Nos tempos que correm o ritmo de vida torna-se cada vez mais acelerado o que, por vezes, implica uma alimentação desequilibrada. O trânsito intestinal lento pode aparecer como consequência. Os sintomas que o caracterizam podem variar entre uma ligeira sensação de incómodo e o inchaço abdominal. Em casos crónicos, a pessoa pode ver a sua vida afectada quer a nível pessoal quer a nível profissional. Os grupos mais atingidos por esta disfunção são as mulheres, principalmente grávidas e os idosos.

Reconheça os sinais!

  • - Falta-lhe energia e sente fadiga?
  • - Sente a barriga inchada e tem a sensação que as suas roupas ficam apertadas, causando desconforto?
  • - Sente-se com mau-humor e pouca tranquilidade?

Principais causas do desconforto intestinal: É difícil atribuir uma só causa a esta desregulação.

Os motivos podem ser vários

  • - Stress, ansiedade, fadiga;
  • - Alimentação desequilibrada;
  • - Pouca ou nenhuma actividade física;
  • - Maus hábitos alimentares, como por exemplo, comer muito depressa, comer em pé, etc;
  • - Modificação brusca dos hábitos de higiene, devido a viagens, por exemplo;
  • - Processo de envelhecimento natural do corpo;
  • - Desidratação;
  • - Alterações fisiológicas e hormonais provocadas pelos ciclos menstruais ou pela gravidez.

Pratique actividade física regularmente

O exercício físico regular ajuda a tornar o corpo mais firme, estimula a circulação sanguínea o que estimula, por sua vez, os movimentos intestinais. As pessoas têm-se tornado cada vez mais sedentárias devido às suas rotinas profissionais. Mas saiba que andar a pé pelo menos 30 minutos todos os dias, além de ser benéfico para a saúde, ajuda a acelerar o trânsito intestinal.

Aumentar o consumo de fibras alimentares

As fibras facilitam o trânsito intestinal porque não são digeridas nem absorvidas pelo organismo. São fáceis de encontrar na fruta (principalmente com casca), nas hortaliças (ex: feijão, favas, grão, lentilhas … ), nos cereais e derivados integrais ou de mistura (ex: arroz, pão, massa).

Beber muita água

A água é essencial ao funcionamento geral do organismo e uma ingestão adequada ajuda o organismo a beneficiar das fibras. Recomenda-se a ingestão de pelo menos 1,5L. Para além da água no seu estado natural, também pode optar por chá e infusões ou sumos de fruta naturais sem adição de açúcar. Crie hábitos regulares e respeite os sinais do seu organismo.É importante integrar as suas refeições em horários regulares. Ao adoptar bons hábitos alimentares está a contribuir para uma maior regularidade dos movimentos intestinais. Respeite o ciclo natural dos movimentos intestinais, evitando ignorar ou adiar os sinais do seu organismo!

Regular o transito intestinal - Saiba que alimentos comer

Segue por fim uma lista de alimentos que podem ajudar a regular o trânsito intestinal:

  • - Comprar 4 ameixas e 4 damascos, colocar dentro de uma jarra de água, acrescentar 400 ml de água, fechar a jarra e deixe na geladeira por um dia. Tome a água de ameixa e de damasco no dia seguinte.
  • - Algas marinhas como a KOMBU (também utilizada para fazer o sushi) e AGAR-AGAR
  • - Morango, Kiwi, Maçã
  • - Farinha de linhaça dourada
  • - 4 colheres de óleo de coco
  • - 3 colheres de óleo de linhaça
  • - Nozes, avelã e amêndoas
  • - Arroz integral
  • - Couve
  • - Gergelim
  • - Alimentos probióticos como leite fermentado e iogurte
  • - Tahine
  • - Abacate

Principal gestor do Coisa Útil. Escrevo na web há vários anos sobre temas do meu agrado, e são eles: saúde, internet, tecnologia, alimentação entre outros.

Comentar!